Em debate:

by

“A filosofia da Inclusão só traz vantagens no que respeita às aprendizagens de todos os alunos, tornando-se num modelo educacional eficaz para toda a comunidade escolar, designada e principalmente para os alunos com NEE”

Correia, L. M. (2008). Inclusão e Necessidades Educativas Especiais. Colecção NEE, Porto, Porto Editora, pp. 22

Considera a Inclusão viável? Porquê?

Partilhe a sua opinião!

Anúncios

3 Respostas to “Em debate:”

  1. Ana Silva Says:

    Do meu ponto de vista, a inclusão tem mais vantagens do que desvantagens, tendo consciência que para isso é necessário que todos tenhamos uma atitude assertiva.
    No entanto, não tenho contacto com pessoas com deficiências e reconheço, da minha parte, algum receio em fazê-lo,pois não sei como lidar com eles e não quero parecer preconceituosa…

    Gostar

  2. alexandrapatricia Says:

    “A criança deficiente tem direito a cuidados especiais, educação e formação adequados, que lhe permitam ter uma vida plena e decente, em condições de dignidade, e atingir o maior grau de autonomia e integração social possível.” (Convenção sobre os direitos da criança)
    Partindo deste princípio e da expereriência profissional que fui adquirindo ao longo destes 7 anos de serviço, posso dizer que todos têm a ganhar com a inclusão. É necessário ter muito amor e carinho por estas crianças, paciência e compreensivos para com elas e seus pais.´
    O nosso papel de educador é muito mais do que ensinar, por vezes temos de ser um pouco “psicólogos” e “padres”.
    Bjs
    Sandra Medeiros

    Gostar

  3. Sérgio Says:

    Começo por dizer que sei pouco sobre o assunto, no entanto considero que todas as crianças partilham dos mesmos direitos quando nascem.

    A forma como são distribuídas na escola já aqui fico com reservas se trás algo positivo para alguém, se por um lado têm os mesmos direitos, o mesmo também é verdade para as restantes crianças. A conciliação de ambas é a questão que até à data entendo que não está resolvida.

    Sendo certo que um professor numa sala de 24 crianças não pode estar a dar consecutivamente mais atenção a uma atrasando/prejudicando as restantes 23, mas verdade seja dita, essa criança precisa da atenção extra.

    Qualquer solução implica mais despesa para o estado no meu entender.

    Gostar

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s


%d bloggers like this: